Prazer, Cobogó

OLAR!

Hoje vamos falar sobre o co.bo.gó¹! Muita gente conhece (nem sempre pelo nome certo) ou pelo menos já viu em alguma construção uma parede vazada² que forma um desenho geométrico. (casa de vó geralmente tem!)

ArquitetoUKÊ?

Cobogó¹ elemento vazado em blocos modulares, com possibilidade de formar desenhos variados através de sua composição

Vazada² aberta, oco, com buracos

O que pouca gente sabe é que ele é de origem Pernambucana (legítimo brasileiro, tá pra ti?!), de quase 100 anos, “inspired” no muxarabi, elemento arquitetônico árabe, vazado e esculpido geralmente em madeira. 

Curiosidade: Ele tem esse nome engraçadinho pois leva a inicial dos sobrenomes dos seus criadores: Amadeu OliveiraCoimbra, Ernest August Boeckmann e Antônio de is.

Muito utilizado na arquitetura modernista, é uma ótima solução para garantir a privacidade do espaço, e ao mesmo tempo permitir a iluminação e a ventilação natural dos ambientes, principalmente nas regiões mais quentes desse nosso Brasil como norte e nordeste. 

Esquecidos durante alguns anos, eles voltaram com tudo, com diversas opções de desenhos, cores e materiais, como cimento, vidro, argila, porcelana, cerâmica, etc.

Além de permitir a entrada de ar e luz, o cobogó possui uma função estética marcante proporcionando personalidade e estilo ao projeto. E mesmo sendo um elemento beeeem antigo, ele ainda sim pode deixar a sua construção atual. Não tenha medo usar e ousar. 

Nos projetos de interiores também podemos utilizá-lo como divisória de ambientes, detalhes construtivos e até mesmo como parte do mobiliário.

Esses são apenas alguns exemplos, pois as possibilidades são inúmeras. Esperamos ter aguçado a sua criatividade e te inspirado. Não tenha medo de arriscar, seu arquiteto saberá onde e como utilizar esse elemento maravilhoso da maneira que melhor combine com você!

Beijos

Por Milena e Renan

Postado por


 
ALINE FEITOSA

 
LAIANA PINHEIRO

 
LORENA PEDROSA

 
MANUELLA LEÃO

 
MILENA MOTA

 
RAFAEL SÁ

 
RAFAELA SANTOS

 
RENAN NASCIMENTO